“Porque é que as mulheres devem receber o mesmo que os homens? É ridículo”

0
Frank de Boer

É esta a opinião do antigo internacional Frank de Boer, quando confrontado sobre o que achava da decisão da Federação holandesa de futebol de, a partir de 2023, remunerar, com salários iguais, atletas das seleções masculina e feminina.

“Se 500 milhões de pessoas assistem à final de do Mundial e 100 milhões à final do Mundial feminino, existe uma diferença. Por isso, não é a mesma coisa.”, começou por dizer de Boer ao jornal britânico The Guardian.

“Claro que as mulheres devem receber o que merecem, não menos do que isso, mas aquilo que merecem. Se (o futebol feminino) for tão popular como o masculino devem receber a mesma coisa porque as receitas e a publicidade irão ao encontro disso. Mas, na realidade, não é isso que acontece. Então, porque hão-de receber o mesmo? É ridículo, não consigo compreender.”, desabafou o antigo internacional.

Tudo começou porque as mulheres não estavam a ser remuneradas como deviam, especialmente em posições de chefia. E aí devem ganhar o mesmo que os homens. Numa posição de chefia num banco, por exemplo, o salário tem de ser igual porque não depende do físico, mas disto (aponta para a cabeça). Porque haverão de ganhar menos se fazem um trabalho igual ao dos homens?”, referiu o holândes, falando em relação a outras áreas da sociedade.

E vocês, concordam?

DEIXAR UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here